terça-feira, 13 de abril de 2010

O sorriso do palhaço tristonho.!

Sabe é qual o meu problema.? É que eu PENSO demais, eu sempre penso demais. E pensar muito, nem sempre é bom.!
É estranho essa minha 'dupla personalidade', minha bipolaridade, sei lá como posso nomear esses meus surtos loucos e repentinos...
Essa frase diz muito sobre o que exatamente eu sou: "Nem sempre o sorriso que trago é a vida que levo. Quem conhece o verdadeiro sorriso, sabe que nem todo palhaço é feliz.!"
A questão é que eu sempre fui boa pra 'enganar', sou tão boa nisso que às vezes até acredito nas minhas próprias mentiras, na verdade eu prefiro acreditar na mentira (em certas situações). Mas eu sempre me julguei a 'espertona' ou a fortona, o problema é que quem muito se engrandece em um aspecto, pouco é dele.! Na verdade, isso tudo é uma puta duma covardia e medo... Uma mistura de ingratidão, junto com um peso na consciência, sei lá...
Eu deveria mesmo é agradecer, eu sei.! A vida sempre foi maravilhosa comigo, o problema é que eu nunca me esforcei a ser o mesmo pra ela.

E quando eu digo que quero ficar só, é quando eu mais preciso de alguém do meu lado.
E quando eu digo pra se afastarem de mim e me deixarem em paz, é quando eu mais preciso de um abraço protetor e de alguém pra se apoiar.
E quando eu digo que eu não preciso de ninguém, é quando eu mais estou perdida e precisando de 'ajuda'.
E quando eu digo que não está acontecendo nada, é quando mais eu estou atordoada com as coisas.
E quando eu digo que não há problemas, é quando mais o problema me toma por inteira e invade a minha psique.
E quando eu digo 'Quer saber, FODA-SE eu não vou mais me importar', é quando eu realmente estou pra desabar.
E quando eu digo que está tudo bem com aquela cara de idiota, é quando as coisas estão indo de mal a pior...
E quando eu digo que não vou chorar ou que não vale a pena, observe ao fundo dos meus olhos e penetre este olhar ao fundo, chegando no meu coração, pois lá estará toda a verdade que se esconde atrás da face de um palhaço que procura esconder seus medos, problemas e outras coisas através de uma maquilagem e um sorriso nem sempre verdadeiro, fazendo as pessoas ao seu redor se alegrarem, às vezes apenas para esquecer ou esconder a sua própria tristeza...

E por esse meu jeito de ser, eu sempre acabo afastando e magoando as pessoas ao meu redor, sempre acabo 'chutando' à ajuda, o ombro amigo, o conselho, o consolo, o tudo.! E assim eu sigo... Se faço isso por defesa, fraqueza ou não; eu não sei.! Não sei ao certo porque ajo desse jeito, só sei que isso não é bom, mas nem sempre o saber é o suficiente.! O primeiro passo é querer, e hoje eu me pergunto, será que eu quero ser 'ajudada'.? Ninguém poderá fazer NADA por mim, se eu nunca me permitir primeiramente.

"É difícil perder-se.
É tão difícil que provavelmente arrumarei depressa um modo de me achar,
Mesmo que achar-me seja de novo a mentira de que vivo."
- C. Lispector


O pior é saber que esses problemas nem são problemas assim, são somente loucuras que a minha psique inventa pra me atormentar.! Pois eu sei, a vida é bela.!
Eu só quero me livrar desse pesadelo, porque o sonho da realidade é maravilhoso.! Só quero isso... HOJE, somente HOJE.!

Falando nisso acabei de ouvir essa música pra me deixar MAAAAIS animada do que já estou, lembrei de algumas coisas do passado.:

(...)
Hoje eu preciso ouvir qualquer palavra tua.!
Qualquer frase exagerada que me faça sentir alegria...
Em estar vivo.
Hoje eu preciso tomar um café, ouvindo você suspirar,
Me dizendo que eu sou o causador da tua insônia,
Que eu faço tudo errado sempre, sempre...

Hoje preciso de você, com qualquer humor
Com qualquer sorriso...
Hoje só tua presença, vai me deixar feliz, só hoje.!



É... talvez era isso que eu precisava.!
Enfim...
Chega de pensar...!

Um comentário:

  1. NOSSA TUDO QUE ESTOU PASSANDO ESTA AQUI!!oBRIGADO THAIS!!RSRSR

    ResponderExcluir